Vença a concorrência em um mercado disputado

Você pensou, pensou e então decidiu que é a hora de ter o seu próprio negócio. Escolheu algo que tocou o seu coração, moveu sua motivação e decidiu-se por aquilo que tem afinidade. E então começa a fazer seus planos e projetos visando o seu empreendimento. Até aqui tudo certo.

Quando você descobre a concorrência!

Porém, descobre que aquilo que você pensou, tem inúmeras pessoas fazendo o mesmo. O negócio que quer abrir, já foi aberto por muitos. Você acabou de descobrir que o mercado está saturado. O que fazer então? Desanimar? Voltar atrás? Abrir mão daquilo que tocou o seu coração? A resposta é: Claro que não!

Escolha um nicho para investir

É lógico que abrir um novo negócio em um mercado super disputado não é uma tarefa simples. Mas, você também não precisa competir com todos do mercado. Muito pelo contrário, com uma boa observação, planejamento e dose de criatividade, você pode descobrir um nicho dentro deste mercado. Quanto mais delimitado um nicho, maiores serão suas chances de sucesso, principalmente em função do número menor de concorrentes. Em um exemplo bem prático, é dentro do mercado super disputado de roupas, por exemplo, você optar por vender roupas para jovens que hoje estejam acima do peso, aliás uma tendência atual da juventude. Segundo o IBGE, atualmente cerca de 3 milhões de adolescentes brasileiros estão com sobrepeso. Você estará vendendo roupas, roupas para jovens, porém para um público específico.

A diferença é que faz o sucesso!

No entanto, independente de sua escolha, ou seja, disputar um grande mercado ou escolher um pequeno nicho, o que fará mesmo o sucesso de seu empreendimento será a diferença positiva que você conseguir estabelecer entre o seu produto ou serviço dos demais concorrentes. Consumidores são exigentes e estão atrás de novidades, opções e, acima de tudo, bom atendimento. Na guerra para conquistar o cliente, vence sempre quem consegue encantá-lo ou surpreendê-lo de forma positiva.

Atenda a necessidade do cliente!

Em resumo, antes de desanimar ao olhar o tanto de concorrentes que o seu negócio pode ter, pense no que você pode fazer de diferente e faça. Coloque-se no lugar de seu futuro cliente e pense no que você gostaria de encontrar no seu próprio empreendimento. Que tipo de atendimento gostaria de ter, por exemplo? O que de diferente gostaria de encontrar em um novo produto ou serviço? E por fim, lembre-se: O melhor negócio, será sempre aquele que atender a necessidade do cliente, resolver um problema ou facilitar a sua vida, afinal, ninguém compra o que não está precisando.

AUTOR:
LUIS PIMENTA
Jornalista, Radialista, Escritor e Palestrante.